handstalk, o conteúdo é acessivel com Vlibras!
Cidadão SP
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp

Programação em

FILMES
OFICINAS E PALESTRAS
Reciclagem de mídias: vídeo avatar ​​​​​​​

[Oficina]

19, 21 e 22 de outubro, terça, quinta e sexta, da 19h às 21h | Ao vivo pelo Zoom | Inscrição via Sympla | Gratuita | a partir de 16 anos

(3 encontros de 2 horas cada)

Semanalmente, o Pontos MIS oferece uma oficina ao vivo pela plataforma Zoom com inscrições pela Sympla. Cada cidade pode inscrever até 50 participantes. O link de acesso à aula será enviado automaticamente no e-mail cadastrado na ficha de inscrição, assim como o certificado.

Um avatar pode ser uma representação pictórica de nós mesmos em um ambiente virtual, mas pode também ser o resultado de uma transformação, de uma metamorfose. A oficina, ministrada pelo filme-designer, educador e programado Kaka mescla reflexão e criação de mídias (colagens, gifs e vídeos) a partir da recombinação, da mistura e do remix de materiais pré-existentes e disponíveis na internet e em fontes impressas (jornais, revistas etc). Assim, os pequenos trabalhos criados serão a fonte para pensarmos o mundo, nosso lugar nele e nas informações que consumimos diariamente.

Sobre o professor

Kaka é filme-designer, educador e programador com uma prática de caráter inter e transdisciplinar. Seus filmes, videoinstalações e textos foram expostos em museus, galerias e mostras individuais nacionais e internacionais. Como educador coordenou o projeto Fazer o Mundo Fazendo Video (2014-2016) patrocinado pela Petrobrás, a ação formativa SSS – South Small Sister (prêmio Public Air Space); trabalhou junto aos Guarani Mbyas – Filme e mídia menor (Ventana a la BioDiversidad/Ibercultura Viva); Filmagem e Revelação em Super-8mm na Casa Ranzini; Monstrópolis – Ilha de Páscoa-Rapa Nui (Toki/Ventana a la Diversidad),cocoordenou (artista articulador de área) o Programa Vocacional e Piá (Secretaria de Cultura – Prefeitura de São Paulo), entre outros.

Imagem: arquivo Kaka 

Oficina de direção cinematográfica artística

[Oficina]

A oficina pretende trazer, além da noção de como funciona a maquina cinematográfica, a formação de um espectador que interpreta as inúmeras camadas que constituem um filme. As aulas guiarão o participante através de todas as etapas de produção cinematográfica, da direção ao roteiro, da sinopse aos equipamentos necessários para realização plena de um filme. A proposta é inserir os participantes do projeto em um ambiente propício à investigação do cinema através da apropriação da linguagem, diferente de uma aula distanciada do “aluno”, partindo das experiências para amadurecer a interpretação do cinema e desenvolver a produção de materiais cinematográficos. 

Em maio:

Hortolândia - 06/05 (segunda-feira) às 18h30

Cosmópolis - 07/05 (terça-feira) e 08/05 (quarta-feira) às 19h00

Americana - 08/05 (quarta-feira) às 13h00

Nova Odessa - 09/05 (quinta-feira) e 10/05 (sexta-feira) às 19h00

 

 

O cinema brasileiro contemporâneo em 3 atos

[Oficina]

11, 13 e 15 de outubro, segunda, quarta e sexta, da 19h às 21h | Ao vivo pelo Zoom | Inscrição via Sympla | Gratuita | a partir de 16 anos

(3 encontros de 2 horas cada)

Semanalmente, o Pontos MIS oferece uma oficina ao vivo pela plataforma Zoom com inscrições pela Sympla. Cada cidade pode inscrever até 50 participantes. O link de acesso à aula será enviado automaticamente no e-mail cadastrado na ficha de inscrição, assim como o certificado.

Ministrada pelo Bruno Cucio, a oficina, que aborda da Retomada nos anos 1990 até os dias de hoje, propõe um diálogo entre o contexto sociopolítico e cultural e as transformações estéticas que os artistas buscaram como tentativa de representação no período e na atualidade. O fechamento da Embrafilme e do Ministério da Cultura em 1990, a criação da Ancine no início dos anos 2000, o forte ressurgimento do financiamento e editais públicos, a situação atual da produção audiovisual e análises de filmes do período são alguns dos tópicos abordados.

Sobre o professor

Bruno Cucio é mestrando no departamento de artes da Unesp e sócio da Travessia Filmes. Desde 2009 atua em projetos audiovisuais voltados à produção artística e à formação de público. Foi produtor executivo do longa-metragem “Para’í”, exibido em diversos festivais nacionais e internacionais. É também professor e coordenador pedagógico do INC – Instituto de Cinema de São Paulo.

 

Imagem: divulgação do filme “Branco sai, preto fica”

Cinema x Teatro: Paralelos entre as linguagens e suas implicações no trabalho do ator | com Vanise Carneiro

[Oficina]

25, 27 e 29 de outubro, segunda, quarta e sexta, da 19h às 21h | Ao vivo pelo Zoom | Inscrição via Sympla | Gratuita | a partir de 14 anos

(3 encontros de 2 horas cada)

Semanalmente, o Pontos MIS oferece uma oficina ao vivo pela plataforma Zoom com inscrições pela Sympla. Cada cidade pode inscrever até 50 participantes. O link de acesso à aula será enviado automaticamente no e-mail cadastrado na ficha de inscrição, assim como o certificado.

Ministrada por Vanise Carneiro, atriz, diretora, educadora e preparadora de elenco, esta oficina traça paralelos entre as duas linguagens enfocando de que forma suas particularidades interferem diretamente no trabalho do ator. Partindo da analise da presença do ator – corpo/imagem, no cinema e no teatro, serão abordadas questões técnicas e estéticas, diferenças e semelhanças e a maneira como se dá a comunicação na relação ator/câmera/espectador.

Sobre a professora

Vanise Carneiro é atriz, diretora, educadora e preparadora de elenco, graduada Artes Cênicas pela UFRGS. Realizou pesquisa sobre atuação em cinema com bolsa do Fumproarte. Por sua atuação em cinema e teatro recebeu diversos prêmios, entre eles prêmio Açorianos e prêmio José Lewgoy de Melhor Atriz, além de ser premiada nos festivais de cinema de Gramado, Brasília, Ceará e São Luís do Maranhão.

 

Imagem: arquivo Vanise Carneiro

Assista #misemcasa