handstalk, o conteúdo é acessivel com Vlibras!

Inspirado na atmosfera das primeiras sessões de cinema, o Cinematographo é um programa do MIS que convida a cada edição uma banda ou músicos para realizar a sonorização ao vivo de um filme. 

Na última edição do ano, o Cinematographo apresenta uma edição especial de comemoração aos 30 anos de lançamento de um dos clássicos western do cinema estadunidense, Os imperdoáveis. Dirigido por Clint Eastwood, o filme ganhou o Oscar de melhor direção e melhor filme do ano. A sessão ganha trilha sonora ao vivo realizada pelos músicos Anselmo Mancini e Kooi Kawazoe. 

Sobre o filme
Os imperdoáveis 

(dir. Clint Eastwood, EUA, 1992, 131 min, 12 anos)  
Bill Munny é um pistoleiro aposentado que volta à ativa quando lhe pagam 1000 dólares para matar os homens que cortaram o rosto de uma prostituta. Acompanhado por dois outros pistoleiros, Bill precisa confrontar um inglês, que também está de olho na recompensa pelo caso, mas o xerife não deseja tumulto em sua cidade. 

Sobre os músicos
Anselmo Mancini
é doutor e mestre em Audiovisual, e bacharel em Composição Musical pela Universidade de São Paulo – USP. É diretor artístico da ALMAI-SP – Associação Livre de Música e Artes Integradas de São Paulo. Em 2022, recebeu os prêmios de Melhor Trilha Sonora pela música do longa-metragem “Entre raiz e asas nos festivais Rome International Movie Awards (Itália); Indie Spark Movies Film Festival (Holanda); International Motion Pictures Awards (Canadá); Menção Honrosa no Kiez Berlin Film Festival; e foi selecionado para o International Sound and Film Music Festival (Croácia), concorrendo com nomes como Jonny Greenwood (Spencer); London Internationl Film Festival (Reino Unido); e Symbiotic Film Festival (Ucrânia). Em 2019, foi finalista do Cineconcerto Festival, realizado na Itália. Participou do San Francisco Dance Film Festival 2017 e foi finalista (com menção honrosa) do Instant Composition Contest (criação de trilha sonora em tempo real ao piano); no Transatlantyk Film & Music Festival 2014, realizado na Polônia. O festival é dirigido pelo vencedor do Oscar de Trilha Sonora de 2005, Jan A.P. Kaczmarek, e contou com a presença de Johann Johannsson no júri (outro nomeado ao Oscar). 

Kooi Kawazoe é compositor, instrumentista e pesquisador. Iniciou seus estudos no Conservatório Souza Lima, no curso de guitarra e violão. Ingressou para o universo da música tradicional japonesa no ano de 2009, orientado pela mestra Kitahara Tamie nos instrumentos shamisen e koto. Periodicamente, viaja para o Japão para fazer estudos com as renomadas professoras e mestras Kakui Setsuko e Nakashima Kazuko. Graduou-se em composição pela ECA-USP, orientado por Fernando Iazzetta, onde fez parte do grupo de pesquisa Mobile e do NUSOM, participando de concertos, seminários e palestras voltadas à música experimental, música eletroacústica e à música mediada por tecnologias. Realiza diversos trabalhos, concertos e gravações em locais como: Masp, Sesc, CCSP, USP, MIS, Rede Globo, Netflix e outros. 

Galeria de Fotos

Governo do Estado de SP